quarta-feira, 19 de agosto de 2009

só me faltava...

O título é pessimista, talvez até de mais. Ainda me faltam muitas coisas para que eu possa reclamar, resmungar e me queixar de que era o último dos acontecimentos, o mais cabal e absurdo que me faltava acontecer, sofrer, preconizar. Quem sabe daqui há uns 50 anos, se eu ainda estiver nessa de ser vivo, eu possa dizer que era a última coisa que me faltava.
Mas, bem, fazendo um apanhado geral dos últimos meses, como se fossem uma vida a parte (e não uma parte da vida), só me faltava essa mesmo, ter, estar, ser com insônia. Ter sono, estar cansado, mas não querer dormir. Se ocupar para não dormir.
Pelo menos o para-raio do prédio funciona.


http://www.myspace.com/bielcoiso

5 comentários:

pedro meinberg disse...

talvez eu esteja vivendo o seu contrário, isto é, dormir para não se ocupar.

Anônimo disse...

Saudações, queridinho!

Lembra de mim? sim eu mesmo(a),Anônimo(a), o(a) único(a) e verdadeiro(a) por aqui!
Como tem passado?Já se adaptou a nova cabeleira? Um dia você será igual ao Peter Meinberg.

Tenho notado que você está com um olhar cansado. Se você quiser eu tenho algumas sugestões para acabar com o seu problema.

O que está achando do Seminário? Tá gostoso lá?

Bom, vou ficando por aqui, mas antes vou deixar uma canção:

♪♫ Todo dia a insônia me convence que o céu
Faz tudo ficar infinito...

PS: Ainda quero meu adesivo, hein? Não pense que eu esqueci.

Beijos.

Iris disse...

a verdade é que você não passa de um paulistano cagão.

Cíntia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cíntia disse...

Sempre que eu preciso estudar pra alguma prova importante (geralmente marcada para o dia seguinte), o sono chega até mim de maneira implacável, não há insônia que resista.